Frequentemente confundida com a pirâmide olfativa, a família olfativa nada mais é do que as notas olfativas predominantes em um perfume. É através dela que é possível reconhecer a personalidade de qualquer fragrância, a partir de suas características predominantes, concentração, notas e matérias-primas. Nesse post, a Ginger explica as principais características de cada família olfativa e sua classificação!

 

Aromática

Composta por ingredientes herbais, geralmente são utilizadas na culinária. São notas frescas e leves, e como o nome já diz, muito aromáticas.

Floral

Uma das favoritas entre as mulheres, a família floral, seja ela desenvolvida de forma sintética ou natural, apresenta elegância e personalidade através das características de cada flor. Permitem combinações muito criativas, desde as mais delicadas até as mais sensuais.

Cítrica

Leves e frescas, são notas que garantem um ar revigorante e, por isso, são bastante exploradas nas fragrâncias para o lar, desde perfumes até produtos de higiene e limpeza. Por serem notas mais voláteis, precisam de uma reaplicação maior.

Frutal

Por ser extremamente versátil, a família frutal garante uma ampla variação de acordo como cada nota da fruta é usada. Normalmente, são capazes de traduzir uma sensação vibrante e jovial, com uma explosão de sensações.

Amadeirada

Presente quase que de forma unânime nos perfumes masculinos, as notas amadeiradas são sofisticadas, elegantes e, ao mesmo tempo, sensuais. Elas conseguem, facilmente, passear em fórmulas com aspecto mais seco ou cremoso, e também harmonizam muito bem com perfumes florais.

Especiarias

Amplamente explorada no universo gastronômico como temperos, as especiarias oferecem uma personalidade forte na perfumaria e versátil de acordo com a criatividade do perfumista. A canela e o cravo, por exemplo, garantem um ar quente e rústico à fórmula, enquanto que o gengibre e o cardamomo, que têm características mais vibrantes e efervescentes, trazem frescor e personalidade.

Oriental

A família oriental é caracterizada pela junção de diversas notas quentes, envolventes, aveludadas, provocantes e sensuais. Essas fragrâncias contam, geralmente, com notas de baunilha, âmbar, canela, cravo, almíscar, incenso e noz moscada conferindo sofisticação a criação.

Gourmand

Adocidada e cremosa, essa família traz já em seu nome a referência à “gula” (francês). Ela inspira fragrâncias que te fazem salivar e sentir acalento e conforto, assim como a gastronomia. Nesta família o perfumista dosa livremente os tons cremosos sem receio de exagerar, o nariz humano sente-se confortável a estas notas.

Chypre ou Chipré

Misteriosa e ao mesmo clássica e intensa, essa família olfativa carrega referências da vegetação úmida, como musgo de carvalho, patchouli e notas cítricas. Por garantir frescor, equilibra bem com notas frutadas e florais, proporcionando alto impacto de personalidade a composição.